Escolha uma Página

Por quase duas décadas, a  Internet Corporation for Assigned Names and Numbers (ICANN) foi administrado pelo Nacional de Telecomunicações e Informação Administration dos EUA, o que significa que o governo americano tem o controle do banco de dados global de endereços para a maioria dos servidores e sites da rede.

Isso está prestes a mudar: Em 1º de outubro, o governo dos EUA vai entregar as rédeas para uma entidade sem fins lucrativos de múltiplas partes interessadas.

A privatização do órgão é algo que vem sendo esboçado há bastante tempo e conta com apoio de entidades estrangeiras ligadas a tecnologia, que queriam que o ICANN fosse administrado de forma pluralizada, talvez por um organismo ligado à Organização das Nações Unidas.